Aproveitamento nos confrontos diretos basta para o Bahia não cair

Aproveitamento nos confrontos diretos basta para o Bahia não cair

Tricolor só perdeu para um dos nove times da segunda metade da tabela

Por Visual News Notícias 31/10/2017 - 09:48 hs

Domingo, às 17h, na Fonte Nova, o Bahia recebe a Ponte Preta para mais um “jogo de seis pontos”, o 14º do tricolor na Série A. O termo, bastante comum no dicionário “futebolês”, se refere a um confronto entre dois adversários diretos, que estão próximos na tabela. O time que vence soma três pontos e evita que o outro faça três pontos. 

Nas outras 13 partidas deste tipo no campeonato, o Bahia venceu quatro, empatou oito e perdeu apenas uma, para o Sport, por 3x1, em casa. Um aproveitamento de 51%, já que conquistou 20 dos 39 pontos em disputa. No atual cenário do Brasileirão, estão sendo considerados adversários diretos as equipes da segunda metade da tabela, encabeçada pelo São Paulo, 11º com 40 pontos, até o lanterna Atlético Goianiense, que tem 29.

Das sete rodadas que restam até o final da Série A, o tricolor ainda terá pela frente mais cinco “jogos de seis pontos”. Além da Ponte Preta, confronto do próximo domingo, Avaí, Sport, Chapecoense e São Paulo estão no caminho. 

Destes, somente os jogos  contra a Macaca e a Chapecoense serão em casa. Caso o time de Paulo Cézar Carpegiani consiga manter o desempenho neste tipo de partida, alcançará os 46 pontos. Esta pontuação jamais rebaixou uma equipe na Série A desde 2006, quando o campeonato  passou a ser disputado no modelo de pontos corridos e com 20 participantes. Vale lembrar que, além destes cinco confrontos diretos, o Bahia ainda vai receber, na Fonte Nova, Santos e Atlético Mineiro. 

Apesar dos números estarem a favor, o Bahia tem a chance de definir praticamente a sua permanência na Série A nas próximas duas rodadas e, se depender do goleiro Jean, a meta é fazer seis pontos.

“Ganhar os dois jogos. São dois concorrentes diretos, são jogos de seis pontos. Final de campeonato, são concorrentes diretos, estão ali brigando também. Temos que somar, não podemos perder ponto nenhum contra eles. Então a meta desses dois jogos é ganhar, com certeza”, afirmou, se referindo aos duelos contra Ponte Preta e Avaí.

Carpegiani convocou a torcida para ajudar no objetivo. “Conclamamos a torcida de novo. Essa torcida pode esperar que vamos tentar vencer de todas as formas. Não vou medir esforços”, garantiu.